A Hiperconvergência em nuvem tem sido uma tendência em tecnologia que tem crescido cada vez mais entre as empresas, gerando importantes benefícios e consolidando a transformação digital que vivemos atualmente.

Uma infraestrutura hiperconvergente baseia-se na integração de recursos de computação, armazenamento e virtualização em uma única estrutura tecnológica. Tornou-se uma opção popular para os departamentos de TI basicamente porque é de fácil implantação e dimensionamento.

O crescimento contínuo dessa tecnologia não ocorreu somente devido a facilidade de uso, existem outras aplicabilidades e vantagens que fizeram dela um importante recurso computacional e que você pode verificar durante a leitura do nosso artigo.

Um sistema hiperconvergente permite que as tecnologias integradas sejam gerenciadas como um único sistema por meio de um conjunto de ferramentas em comum. Na prática, temos um fornecedor apresentando um pacote pré-configurado de recursos de tecnologia em um único chassi com o objetivo de minimizar problemas de compatibilidade e simplificando o gerenciamento.

Benefícios da infraestrutura hiperconvergente aplicada às empresas

Com a Hiperconvergência em nuvem ocupando mais espaço no mercado de tecnologia, a questão maior não parece ser sobre quais são os benefícios. Em vez disso, os times de TI querem saber como direcionar as vantagens existentes para os desafios que fazem parte da gestão da infraestrutura tecnológica das empresas.

  • Componentes certificados pelo fabricante

Um dos importantes benefícios práticos é que o fabricante certifica os componentes para serem compatíveis entre eles. Essa compatibilidade traz ganhos em relação a desempenho e reduz a complexidade da implantação de hosts de virtualização.

  • Suporte a projetos de missão crítica

Infraestruturas de Hiperconvergência em nuvem costumam ser construídas para fornecer suporte para alta disponibilidade que as empresas precisam para cargas de trabalho de missão crítica. E os fornecedores oferecem camadas adicionais de redundância, a exemplo de armazenamento e a capacidade de espelhar nós ou clusters inteiros.

  • Projetada para executar VMs

A virtualização permite que todos os recursos possam ser ajustados para acomodar mais ou menos VMs, sem ter que suspender a atividade de qualquer máquina virtual em execução durante as operações.

A Hiperconvergência aplicada a nuvem

A Hiperconvergência em nuvem, como já vimos, atende a realidade das empresas que buscam garantir sua presença online, migrando suas cargas de trabalho de missão crítica para a nuvem. Os dois dos principais benefícios para essa estratégia são:

  • Praticamente não há investimento inicial. Os provedores de nuvem basicamente cobram pelo uso dos recursos utilizados.
  • As cargas de trabalho podem ser dimensionadas conforme a necessidade. Tendo recursos ilimitados que garantem a alta disponibilidade e segurança.

 

ebook gestão da cloud

 

Hiperconvergência em nuvem privada ou pública?

Basicamente as nuvens privadas oferecem o mesmo tipo de capacidade de autoatendimento que as nuvens públicas, entretanto, a infraestrutura computacional não é compartilhada como acontece na nuvem pública.

Aumentar a capacidade é simples. Em uma nuvem pública, basta provisionar mais recursos de armazenamento ou computação, e a mágica de adicionar VMs e criar mais espaço em disco acontece automaticamente.

Para nuvens privadas, a Hiperconvergência acontece com a mesma facilidade de dimensionamento. Conecte outro nó, diga para ele se juntar ao cluster existente e pronto.

Portanto, a escolha da nuvem para seu projeto de Hiperconvergência segue basicamente as principais características que diferenciam uma nuvem pública da privada: o controle e o custo.

No caso do controle, na nuvem privada sua empresa está no comando e seus dados de missão crítica não são gerenciados por terceiros. Sua infraestrutura é conhecida detalhadamente por sua equipe de TI e eles respondem rapidamente em caso de problemas. Um pouco diferente de como ocorre na nuvem pública.

O custo é outro fator. Afinal, não é mais barato deixar alguém comprar a infraestrutura de TI, como na nuvem pública? Provisionar a capacidade certa de recursos em uma nuvem pública pode ser um trabalho em tempo integral, ao mesmo tempo que, investir em infraestrutura própria, como é na nuvem privada, é um ato de equilíbrio, e errar pode ser muito caro.

A escolha da nuvem obviamente deve ser planejada de acordo com as necessidades do projeto, considerando riscos e crescimento futuro. O importante é saber que a nuvem tem o suporte necessário para as iniciativas de Hiperconvergência.

O potencial da Hiperconvergência em nuvem é estratégico para as empresas que buscam uma infraestrutura otimizada para diferentes cargas de trabalho, associando a um custo operacional compatível com a realidade das organizações, que tenham visão de futuro e o objetivo de fazer a diferença a seus clientes.

Conheça os materiais gratuitos da DBACorp e tenha acesso aos nossos e-books que ajudam nas soluções de problemas e nas principais dúvidas sobre temas como: Bancos de Dados, Infraestrutura de TI e Cloud Computing.